18.04.2012

Infraestrutura dos aeroportos da America Latina será tema de seminário em São Paulo

A proximidade dos grandes eventos e o aumento da demanda interna de passageiros colocou em evidência a necessidade de soluções que ampliam a capacidade operacional dos aeroportos nacionais. Seja via construção de novos complexos aeroportuários seja otimizando a gestão operacional, a infraestrutura aeroportuária brasileira está prestes a experimentar seu maior teste: acomodar os cerca de 600 mil estrangeiros que devem transitar pelos aeroportos nacionais. Sem contar o afluxo de brasileiros embarcando e desembarcando, rumo aos estádios onde serão realizados os jogos. A projeção é da SAC (Secretaria de Aviação Civil) e impressiona. Para ter uma base de comparação: o volume diário de passageiros apenas no Aeroporto de Guarulhos, o maior do País, em dezembro de 2011 foi de 92.981 pessoas.

 

Na semana que vem a 2ª edição do Seminário Internacional de Infraestrutura Aeroportuária da América Latina traz a São Paulo especialistas do País e do exterior para analisar a fundo a questão dos aeroportos latino americanos, os desafios à expansão e ao ganho de eficiência operacional. Entre eles, destaque para: Hilario Pereira Filho, da Invepar; Juan Luis Chevalier, CEO - Panatropolis; David Stewart, Chefe de Aeroportos - IATA (International Air Transport Association); Cleverson Aroeira, Secretário Executivo - SAC (Secretaria de Aviação Civil); João Marcio Jordão, Diretor de Operações - INFRAERO (Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária); Helcio Tokeshi, Diretor - EBP (Estruturadora Brasileira de Projetos).

 

O seminário acontece em paralelo à Airport Infra Expo, único evento voltado para a cadeia de fornecedores de equipamentos e serviços para a infraestrutura aeroportuária, organizado de 24 a 26 de abril, no Transamérica Expo Center, em São Paulo.

 

Confira a programação do seminário realizado nos dias 25 e 26 de abril:

Da Concepção a construção: quais são os projetos adequados para o mercado Latino Americano? O mercado: América Latina em números; Os principais entraves jurídicos do negócio; Projetos de aeroportos na América Latina funcionais, com baixo custo e que já foram projetados para atender a demanda futura de passageiros.


Construindo aeroportos sustentáveis: principais fatores para o sucesso.Sustentabilidade econômica dos aeroportos; Soluções inovadoras, de baixo custo e viáveis para o mercado latino americano; Principais ameaças do mercado: entraves jurídicos, burocráticos, ambientais e de governança do negócio aeroporto no Brasil e nos principais mercados latino americanos.


Brasil: a aviação como fator de desenvolvimento econômico e social.Como funciona o Programa Federal de Auxílio a Aeroportos? Atividade aeroportuária brasileira e seus modelos de certificação e regulação; Protagonismo do Estado ou do Município com relação aos aeroportos de suas cidades; Como envolver a comunidade e discutir as vantagens do aeroporto?

 

Potencial de negócios: Aeroportos como ferramenta para a renovação urbana e desenvolvimento regional.Potencial de desenvolvimento no entorno do aeroporto: empresas, hotéis, parques comerciais, centro de logística de cargas e outras oportunidades de desenvolvimento local; Modelos de negócios de aeroportos regionais de sucesso na América Latina


Negócio aeroporto: receita de sucesso para a melhor relação custo-benefício entre o investidor o concessionário e o passageiro.Modelo de negócios brasileiro: como funcionarão as concessões no Brasil? Retorno sobre o investimento, quadro regulamentar e modelo de governança; Existe viabilidade econômica para um novo aeroporto privado no País?


Potencializando o negócio: como explorar as possibilidades de recursos através da oferta de produtos e serviços aeroportuários e não aeroportuários.Mercado brasileiro: Fundamentos da demanda por viagens aéreas e os fatores influenciadores. Impacto das receitas não aeroportuárias. O desenvolvimento de serviços como motor para o crescimento econômico do aeroporto: passageiros de negócios e laser e transporte de carga de alto valor agregado.


Verdades e mitos sobre as barreiras culturais da automação do passageiro na América Latina.Quais são as dificuldades e resistências enfrentadas nos países emergentes para implementação de projetos de automação nos aeroportos? Como os passageiros estão transformando o modelo de negócios para as companhias aéreas?


TI e automação: eficiência operacional e revolução na experiência do passageiro.

 

Tecnologia a favor da eficiência: o que está sendo utilizando pelo mundo. Segurança nos aeroportos brasileiros a partir de novas tecnologias inteligentes: scanner; exames de carga; triagem avançada; detecção de armas, explosivos e materiais perigosos adequados a realidade brasileira; Processamento de passageiros inteligente: métodos inovadores e inteligentes.


Confira mais detalhes da programação do seminário e seus palestrantes em www.airportinfraexpo.com.br/seminário.